Voz Oblíqua: Gostar de Animais é...
 
    The Voice Mail

 

Voz Oblíqua

Voz: [subst. fem.] Produção de sons emitidos no ser humano pela laringe com o ar que sai dos pulmões; grito; clamor; linguagem; fig. opinião; poder; inspiração; conselho; sugestão. Oblíqua: [adj. fem.] enviesado; torto; vesgo; fig. indirecto; dissimulado; ambíguo; dúbio.
 
 
 

Disse-se em...

Patrocí­nios da Voz

  • Design by Stacee Leung
  • Powered by Blogger
  • Images hosted by ImageShack
  • Search Engine by Free Find
  • Comments System by Haloscan
  • FAQs sobre blogs.

    O Valor da Voz:

    A Encadear a Voz:

     
    Gostar de Animais é... domingo, junho 05, 2005

    Image Hosted by ImageShack.us...passar a noite inteira a ser picada por duas melgas sem sequer ter a coragem de as esborrachar!!!

    E pra ti, o que é gostar de animais? (Vá, vamos fazer uma colectânea de opiniões!)

    Etiquetas: ,

    22 Comments:

    At 06 junho, 2005 00:12, Blogger Maria Papoila said...

    Se não fizerem barulho não as matos. Até porque elas não me picam. Deve ser por causa do meu mau feitio ;) bjs

     
    At 06 junho, 2005 00:18, Anonymous José Dias said...

    Os tempos de Mike Tyson ( = inchaços na cara) deixaram-me meio atrofiado das ideias... de tal modo q em vez de as matar (pois é algo q vai contra os meus ideiais) coloco vinagre na pele... remédio santo :)

    Um beijo para ti*

     
    At 06 junho, 2005 01:41, Blogger Angela said...

    Procurar horas e horas um recipiente para por uma aranha lá fora, sem ter de a matar. E ela correr, livre. :)

     
    At 06 junho, 2005 10:42, Blogger Ricardo Garcia said...

    Acordar às quatro da manhã com o gato a miar e não correr com ele ao pontapé...

     
    At 06 junho, 2005 11:40, Blogger Cakau said...

    Pois, mas eu cá não tenho esse gosto tão aguçado pelas melgas. Se as apanhar, mato-as; não gosto mesmo nada delas; além de lhes ser alérgica (é mesmo verdade! O mesmo acontece com as aranhas.)

    Mas já dei com vários bichos a subirem por mim acima e ao invés de matá-los ou sacudi-los, pegar neles e levá-los para um sítio seguro.

    Gosto muito de animais e evito matá-los; mas não sou acérrima defensora de TODOS os animais. Lamento.

    Beijos ;) *

     
    At 06 junho, 2005 14:07, Anonymous unknown said...

    O que é para mim gostar de animais?
    É dar-lhes uma morte rápida e sem sofrimento! LoL

    Mas só aqueles "bichinhos" tipo aranhas, mosquitos, melgas, etc quando me estão a chatear mesmo! Ou a "invadir" o território!

    O objectivo não era ser original? Era não era?! :p

     
    At 06 junho, 2005 14:19, Anonymous Nanita said...

    Oh amorzito, não é que eu nao goste de animais... mas sou homnivora... e quanto a isso não há nada a fazer!

     
    At 06 junho, 2005 16:30, Anonymous Cat said...

    É enfrentar sarcasmos e insultos de omnívoros sobre o meu vegetarianismo sem os espancar, porque tenho consciência de que o meu igual é um animal como os outros!

     
    At 06 junho, 2005 16:54, Blogger pandora said...

    pois, eu melgas mato mesmo, e moscas só se não as apanhar... mas já salvei outras criaturas que tb axo repelentes: um morcego que entrou em casa, uma aranha na cozinha com uma teia enorme (e vi-me louca para a conseguir livrar das fúrias da minha empregada) lolololl!, ratinhos... passaritos caídos do ninho (e ficar sem ser capaz de descer da árvore...)

    nao queres fazer um banner para o pandora's box??? vai lá espreitar...

     
    At 06 junho, 2005 23:15, Blogger Kitty said...

    Melgas... não há condições... têm mesmo que fugir ou... KABUM! :D

    Gostar de animais... assim de repente diria que gostar de um animal é respeitar o seu meio ambiente natural e deixá-lo em liberdade :D

     
    At 07 junho, 2005 11:26, Blogger Didas said...

    Bem, neste caso das melgas não lhes dou hipótese... Porra rapariga isso é que é amor à causa!

     
    At 07 junho, 2005 21:44, Blogger Raquel V. said...

    :( é n conseguir matar alguns bichos da prata... ou até formigas (mas estas têm mais direito à vida)...

    Odeio o bichos da prata... mas detesto matar animais... GRRRRRR

     
    At 07 junho, 2005 22:52, Blogger Nilson Barcelli said...

    Gostar de animais é enxotar as melgas que te picaram e beijar o sítio das picadas até que o efeito passe...

    Desculpa a brincadeira mas foi mesmo o que me apeteceu escrever.

    Meter cães em apartamentos que mal servem para pessoas, por exemplo, é uma grande atrocidade para eles e para os vizinhos.

    Beijo***

     
    At 08 junho, 2005 09:44, Blogger Papá Urso said...

    é carregar o cavalo às costas durante 12 km, depois de ele ter deslocado uma pata durante um passeio no monte em que salvámos uma raposa de uma armadilha e ao salvar cortámos o dedo mindinho e o sangue que escorreu chamou a atenção a uma sanguessuga que retirámos com mto cuidadinho e ao retirar fomos picados por uma abelha cujo o ferrão andámos à procura para lhe voltar a colocar no rabinho...

     
    At 08 junho, 2005 17:31, Blogger Wakewinha said...

    Papá Urso, estavas em dia de desgraças... Só pode! =P

     
    At 11 junho, 2005 00:04, Blogger Hrrada said...

    Abrir a janela e pôr-me em cima do sofá com um livro na mão a tentar encaminhar o caminho da rua a uma super-mosca ( ou seria a tentar proteger-me? lol )*

     
    At 11 junho, 2005 22:59, Blogger muh'adib said...

    Ora melgas... eu mato.
    São poucos os bicharocos, mas, melgas mato.
    São elas ou eu.
    Tambem utilizo repelentes electricos mas acordo com dor de cabeça. prefiro mata-las.
    O resto deixo viver. Mas melgas.... essas vão á vida se estão no mesmo quarto que eu!

    Enfim, ninguem é de ouro!

     
    At 15 junho, 2005 01:05, Blogger ElEkTrO said...

    Olá! Gostar de animais é...Poderia dar aqui inúmeros exemplos mas optei pelo mais recente. Fazer um longo caminho de mais de uma hora e dez minutos a pé ás 6h da manhã e chegar a meio do caminho e dar um lar a uma cadela linda de morrer. Dever cumprido! Beijo grande
    N*

     
    At 28 junho, 2005 16:38, Anonymous Patita Feia said...

    Gostar de animais é tratá-los como se tratam as crianças.
    Como Amor, doçura nas palavras e muita mas mesmo muita atenção.
    Melgas só se me deixarem doida.
    Aranhas, é melhor é desaparecerem, pois não aguentariam os meus gritos de pânico...
    ***

     
    At 28 junho, 2005 16:40, Anonymous Patita Feia said...

    AHhhhhh!!!
    Miaus e lambidelas da gataria Marijuana, Bianca e Tomé e da caelinha Pipa Bi-Doca ;)

     
    At 04 julho, 2005 00:10, Blogger Catwoman said...

    meu deus, tanta gente como eu gosto...coisa rara em portugal!

    gostar de animais é perceber a pureza e inocencia no seu olhar, é respeitá-los e acarinhá-los, sao leais e a melhor companhia.

     
    At 04 julho, 2005 16:31, Anonymous Mitras said...

    Fui criado no campo, numa pequena aldeia, tinha lá de tudo desde cães, gatos, galinhas, patos, coelhos, etc. Os cães e gatos andavam à solta e até conviviam entre si, nunca tive um animal enclausurado. Um cão precisa de liberdade, de terreno para correr, para fazer buracos, correr atrás dos gatos e das galinhas, rebolar-se na terra, etc...
    Toda essa vivência fez de mim um apoiante acérrimo da liberdade animal... Convenhamos que o gostar de animais não passa só por aí...
    Acho que quando se fala em liberdade animal não há mt mais a dizer... deixam de fazer sentido as questões de peles, visons, maus-tratos, abandonos.... Enfim!
    Para mim é isso o gostar de animais!

     

    Enviar um comentário

    << Home

     

     
     
    |Voltar ao Topo|